USA 7's Rugby

Athlete Career TransitionEngland Wheelchair Rugby League

Trabalho em equipa é a base do sucesso. Tal é verídico para atletas e equipas desportivas bem como para outros profissionais. Desenvolver o autoconhecimento e a compreensão sobre os outros é uma mais valia para a construção de relações de trabalho eficazes na sua equipa.

Quando os membros da equipa trabalham bem entre si, existe pouco que não consigam alcançar. Ao cultivar um ponto de vista mais abrangente no que diz respeito à sua equipa, como observar as suas preferências comportamentais, emocionais e o impacto que têm uns nos outros, podem aumentar substancialmente as suas hipóteses de vir a desenvolver uma equipa de elevado rendimento.

Patrick Wright da Rugby Business Network (RBN) utiliza os assessments Thomas para fazer precisamente isso. As ferramentas Thomas permitem-lhes adquirir uma maior compreensão das preferências de cada individuo, algo que a RBN tem usado para desenvolver o rendimento dos atletas, melhorar programas de transição e em última instância obter resultados.

Desenvolver autoconhecimento

Mike Friday, Treinador Principal da Equipa USA 7’s Rugby, tem estado a trabalhar com Patrick Wright da RBN para utilizar os assessments Thomas no programa de treino da equipa tendo em vista os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio, de modo a melhorar a consistência no rendimento através de um maior autoconhecimento entre os membros da equipa.

Sendo uma equipa desportiva de elevado rendimento onde uma comunicação eficaz é crucial para um bom desempenho, a equipa precisou de desenvolver a sua compreensão mútua. Como resultado, implementaram o Thomas PPA (comportamental) para identificarem os seus pontod fortes, limitações, motivadores e preferências comunicacionais; ajudando os membros da equipa e treinadores a ajustarem a sua comunicação para com os indivíduos, de modo a não os interpretarem incorretamente e reprimirem a sua aprendizagem.

Com os Assessments Thomas a equipa tornava-se mais coesa.
Mike Friday, USA 7's Rugby Head Coach

O Relatório de Compatibilidade também foi utilizado entre jogadores, equipa técnica e equipa de suporte. Os relatórios revelaram um elevado número de potenciais problemas nos relacionamentos na equipa, o que lhes permitiu implementar estratégias e planos de desenvolvimento que ajudassem os indivíduos a modificarem o seu comportamento.

O processo ensinou-nos a todos a tornarmo-nos mais autoconscientes acerca de nós e dos outros. Forneceu-nos a todos um insight sobre a variedade de abordagens que podemos adotar de modo a guiarmos uma comunicação mais eficaz entre nós, o que em última análise nos torna numa equipa de alto-rendimento mais eficaz e confiável – dentro e fora de campo.

Mike Friday, USA 7's Rugby Head Coach

Os jogadores também se aperceberam do um impacto imediato após a utilização dos assessments Thomas. Madison Hughes, jogador e capitão da equipa USA 7’s Rugby comenta, “O Thomas PPA ajudou a equipa a tomar uma perspetiva diferente sobre a comunicação entre si. Em particular, ajudou-nos a realizar as diferentes formas como as pessoas vêm as coisas e consequente que com cada individuo, diferentes abordagens são necessárias.”

Os assessments ajudaram-me a descobrir como poderia trabalhar melhor com a minha equipa de jogadores e equipa técnica. 

Madison Hughes, USA 7's Rugby Captain

Mike Friday conclui, “tem sido bastante proveitoso trabalhar com a Thomas Internacional. Tem encorajado uma comunicação aberta entre a equipa, tem criado as bases para termos respostas de sucesso e a sermos a equipa mais unida fora de campo. Recomendo vivamente a qualquer equipa que esteja à procura de sucesso no alto-rendimento a explorar esta abordagem.


Fotografias fornecidas por Mike Lee/KLCFotos

Emily Atkinson

Emily Atkinson

Emily joined the marketing team in 2013 after a period working as an event manager in the wedding industry. She enjoys the variety that comes with working at Thomas, particularly specialising in international marketing. Emily studied German for many years and has recently started learning Spanish.