Psicologia no desporto

Desenvolvimento da equipaConstruir relações na equipa

Treinar a mente, bem como o corpo, está cada vez mais a ser reconhecido como algo vital para atingir sucesso desportivo. Compreender como aplicar a psicologia ao desporto pode ajudar a melhorar a motivação de um atleta e o seu rendimento.

Tanto a psicologia do desporto (centrada na interação dinâmica entre fatores psicológicos e o rendimento) e psicologia do desporto e exercício (focada em usar o insight psicológico para aumentar os níveis de exercício e atividade) são componentes essenciais para aumentar o rendimento. Seja para atletas profissionais ou para a população em geral, um entendimento acerca da forma como a mente funciona pode ter um enorme impacto.

Psicologia para o desempenho desportivo

A compreensão e a aplicação de princípios psicológicos são amplamente reconhecidas como elementos fundamentais na melhoria do rendimento. Reconhecer o impacto que o comportamento, motivação, personalidade, stress e pressão podem ter no desempenho pode ser essencial para melhorar a forma como ensinamos, treinamos e competimos. 

Todos os atletas reagem de forma distinta a diferentes situações tendo por base as suas tendências e traços naturais. Tal deverá ser levado em conta quando se consideram dinâmicas de equipas e relações, tanto entre colegas de equipa como entre atletas e treinadores.

De modo a construir relações proveitosas, os estilos de comunicação e motivação devem ser modificados de modo a adaptarem-se às preferências de cada individuo, permitindo assim um treino diferenciado e estratégias de rendimento que possam ser implementadas tanto ao nível individual como da equipa. 
 

Perfil de rendimento desportivo

Este perfil pode fornecer-lhe uma avaliação rigorosa sobre as características psicológicas e ser usado conjuntamente com as medidas existentes de capacidade física para providenciar um maior insight sobre os atletas e treinadores. As avaliações psicométricas podem ajudar os atletas a explorar as suas características únicas, tais como autoconfiança, motivação, resiliência e robustez mental. Esta maior consciência pode ajudar os atletas a moldarem o seu desenvolvimento e pode encorajá-los a tomarem conta do seu rendimento com um impacto significativo na atenção, motivação e metas atingidas.

Um perfil psicométrico destaca as forças e também pode identificar potencias áreas de desenvolvimento e melhorias. Tal compreensão abrangente dos traços comportamentais e emocionais pode complementar o treino físico do atleta, melhorar o seu rendimento em competição e ajudar no impacto psicológico inerente a recuperações de lesões.

A Thomas trabalha em parceria com psicólogos, de modo a que sejam formados para administrar os nossos testes e fornecerem um feedback valioso ao resto da organização. Esta abordagem irá permitir construir sobre o seu conhecimento detalhado de cada atleta, treinador e organização de modo a que o feedback seja único e baseado num elevado nível de conteúdo relevante.

Conselhos de psicologia do desporto

1. Seja consciente!

Tente aumentar a sua autoconsciência. Pense sobre as suas preferências pessoais e a forma como reage a determinadas situações. 

2. Esteja em movimento!

Sempre que a treinar ou a competir, tente garantir que a sua atenção está direcionada para o presente. Técnicas de Mindfulness podem ajudar a evitar permanecer muito tempo com pensamentos potencialmente negativos, reduzindo as distrações e os níveis de ansiedade.

3. Seja otimista!

Otimismo está muitas vezes relacionado com o rendimento global. Tente acreditar nas suas próprias capacidades e seja positivo face aos seus resultados. Estabeleça para si mesmo objetivos específicos que sejam realistas e mantenha em mente que será capaz de os atingir.

A psicologia do desporto pode ser vista como uma ciência complexa. Mas não precisa de ser encarada como tão assustadora quanto aparenta. Ao incorporar o perfil de rendimento ao seu programa, este dar-lhe-á um terreno comum e vocabulário entre si e os seus atletas, aliviando os seus medos e ajudando a motivá-los para treinarem as suas mentes tão arduamente quando os seus corpos.