Feedback 360

Raciocínio VerbalPsicométrico

O que é feedback 360 e qual o seu papel na avaliação de desempenho? Nas organizações pode ser uma maneira simples de adicionar objetividade ao processo de gestão de desempenho.

Visão GeralExemplos de Feedback 360

A avaliação 360 é um exercício de feedback abrangente que inclui diversas pessoas que trabalham consigo (Gestores, Pares, Equipa e Clientes). Poderá ser o primeiro passo para um processo de gestão de desempenho e proporcionar um feedback bem estruturado em muitos aspetos do seu desempenho. O  Thomas 360  permitirá, através de um sistema de fácil utilização, que faça a gestão do processo de avaliação dos seus colaboradores, disponibilize os relatórios individuais e recolha a informação da equipa, ajudando a que compreenda melhor a sua equipa.

O processo 

O Próprio irá responder a um questionário idêntico ao que será solicitado aos seus Gestores, Pares, Equipa e Clientes, se adequado. Os resultados anónimos serão então compilados mediante as diferentes relações com o Próprio. Ao comparar com a avaliação d’O Próprio com os Respondentes, é possível identificar lacunas de desempenho, desenvolver a autoconsciência, confiança, motivação e compreender como melhorar a eficácia pessoal.

Definição de feedback 360

O Próprio irá responder a um questionário idêntico ao que será solicitado aos seus Gestores, Pares, Equipa e Clientes, se adequado. Os resultados são anónimos e serão compilados mediante as diferentes relações com o Próprio. Ao comparar com a avaliação d’O Próprio com os Respondentes, é possível identificar lacunas de desempenho, desenvolver a autoconsciência, confiança, motivação e compreender como melhorar a eficácia pessoal.

O que é a avaliação 360

A avaliação 360 centra-se em competências e comportamentos de um individuo em comparação com uma avaliação padrão, que se foca nas exigências básicas da função. As competências devem estar alinhadas com os valores centrais da organização e centrar-se em áreas subjetivas, tais como, o futuro, o envolvimento, a tomada de decisão, entre outros.  

O Thomas 360 cria um ambiente para um feedback construtivo e honesto, permitindo que os seus colaboradores compreendam o seu impacto pessoal, identifiquem áreas de desenvolvimento e melhorem a sua eficácia. Este assessment permite, de forma rápida e fácil, a recolha de feedback daqueles com quem trabalha e compará-lo com a própria perceção do seu desempenho.

O que é uma avaliação de desempenho 360

A avaliação de desempenho 360 poderá incorporar o feedback 360. Será possível criar um Plano de Desenvolvimento Pessoal (PDP) com base nos elementos obtidos através da avaliação 360, permitindo traçar um plano de desenvolvimento.

O feedback da avaliação 360 fornece informações específicas sobre um indivíduo que podem ser utilizadas para ajudar a melhorar o seu desempenho. Podem também ajudar a melhorar as relações interpessoais dentro de equipas e desempenho na organização.

Este feedback normalmente compreende uma parte quantitativa (dados) e uma parte qualitativa (respostas escritas) dos respondentes. Estas respostas ao serem compiladas permitem ao Próprio comparar as suas respostas com as perceções dos outros. Na maioria dos casos, o feedback deverá alinhar a estrutura de competências da empresa para incentivar processos de desenvolvimento focalizados.

Exemplo de feedback 360

O questionário 360 deverá ser concebido para medir exemplos (observáveis e a nível comportamental) de como o individuo se comporta no local de trabalho. Estes comportamentos são normalmente agrupados em competências. Nesta secção, exploramos alguns dos conteúdos que podem aparecer no questionário 360. 
O fator numérico é obtido através da avaliação de desempenho do indivíduo em comparação com as declarações comportamentais. Em baixo terá um exemplo de questões que podem aparecer no questionário: 

Por favor, responda em que medida pensa que esta pessoa demonstra este comportamento;

  • Analisa os progressos e adapta as ações a novas situações
  • Envolve os outros no planeamento estratégico

Um exemplo de questão qualitativa:

  • Quais as duas áreas que o participante poderia desenvolver com o intuito de ser mais eficiente na organização?