Retenção de conhecimento

Desenvolvimento de líderesComportamento

Toda sala de aula é composta por alunos com variados estilos de aprendizado. Como assegurar que está criando um ambiente de ensino que ajude cada um deles a buscar atingir objetivos, que sejam alcançáveis para eles, da melhor maneira possível? Obter mais clareza sobre seus alunos ajudará a direcionar e personalizar o aprendizado da maneira correta, para todos os níveis e talentos dentro do grupo.

Acomodando vários estilos de aprendizado

Quando se está ensinando, é importante considerar como cada um de seus alunos prefere se comunicar; o que os motiva; e quais são seus talentos. Por exemplo, muitos preferem trabalhar em grupo e, dentre eles, pode haver alguns que se destacam como líderes. Outros gostam de fazer anotações detalhadas, ir embora e refletir sobre elas mais tarde. 

Fazer uma diferenciação em classe dá a cada aluno mais chances de administrar o próprio aprendizado e progresso.
 

Traçar o perfil de seus alunos dará a você um insight sobre como preferem trabalhar, o que normalmente é difícil identificar de outra forma. Quando compreender a mescla de estilos de trabalho preferidos, você estará em uma melhor posição para planejar e gerenciar o progresso e a execução das tarefas que estipula; os grupos que decide formar; e o apoio que deve oferecer, contribuindo com um ambiente de aprendizado inclusivo e positivo.

Apoiando a autoaprendizagem

Autoaprendizado normalmente é um desafio, até mesmo para o aluno mais motivado e determinado, mas não precisa ser assim! Capacitar estudantes, com um profundo entendimento sobre como gostam de trabalhar e o que os estimula, fornece a eles o impulso e o insight necessários para que gerenciem melhor o tempo, planejem suas metas e identifiquem necessidades de apoio, ao mesmo tempo que dá mais clareza à equipe de ensino para investir melhor o tempo.

Melhorando a automotivação

Como pode ajudá-los a se manter motivados e focados?

Como professor, você pode ir até certo ponto para ajudar os alunos, pois a responsabilidade pela formação e pelo futuro recai sobre eles mesmos.
 

Cada indivíduo possui talentos, mas pode ser difícil identificá-los, sobretudo quando se é jovem e o caráter e a segurança ainda estão se desenvolvendo. Fazer o perfil dos alunos ajuda a reconhecer esses talentos e a usá-los para sua própria vantagem. Ajudar alunos a compreender no que se destacam e como isso pode ajudá-los nos estudos aumenta a segurança e dá a eles o impulso que precisam para atingir objetivos.